Caritas Arquidiocesana de Maringá - PR

Artigos

 

Construção de saberes e do bem comum: 10 anos da Escola de Cultura, Fé e Política.

A- A A+

Construção de saberes e do bem comum: 10 anos da Escola de Cultura, Fé e Política.

“Gente simples, fazendo coisas pequenas, em lugares não importantes, conseguem mudanças extraordinários” (provérbio africano, proclamado por Com Moacir Grechi – XII Interclesial das Comunidades de Base – Rondônia)

 

          A Escola de Cultura, Fé e Política (ARAS/Cáritas), Maringá, completa 10 anos de caminhada e, ininterruptamente, busca orientação no provérbio africano em epígrafe. Desde o início, estava traçado como um dos rumos da Escola promover a reflexão sobre a realidade cultural, religiosa e política brasileira, particularmente as questões locais e estaduais. O entendimento de que a transformação do mundo deve buscar a construção de uma sociedade socialmente justa, democrática, plural e tolerante, implica no engajamento consciente de todos\as na consolidação da cidadania. Portanto, a Escola é um espaço de formação, debate e reflexão, ou melhor, de construção de saberes e do bem comum, que contribui com a formação de sujeitos eclesiais e sociais por meio da reflexão bíblica, teológica, filosófica, historiográfica e sociológica.

              A Escola de Cultura, Fé e Política é um espaço aberto para todos\as que buscam formação cidadã para melhor compreender e atuar junto às comunidades, pastorais, movimentos e organizações sociais e populares, comunidades eclesiais e nos conselhos de direitos, entre outros.

              A realização desse propósito nunca foi tarefa fácil, para tanto, desde 2009 estava claro que a participação social, em sua dimensão sócio-política e cultural, não pode ser dissociada do estudo teórico-metodológico de temas que compõe os eixos cultura, fé e política. E por quê? Porque a transformação da realidade social jamais ocorrerá de maneira espontânea e ordenada, requer conhecimento e organização para a atuação e, por isso, se faz necessária a formação. A construção solidária do Bem Viver torna a ação política e social mais do que necessária, é imprescindível, quando vista sob a perspectiva da doutrina social da igreja.

           O Bem Viver, sinal do Reino de Deus, implica em defender e promover toda a forma de vida e a construção solidária da sociedade junto daqueles que sofrem exclusão social, denunciar e combater todas as formas e práticas que geram vulnerabilidade social, econômica e cultural. Nesse sentido, a formação na Escola contribui para a compreensão de que a ação pastoral preparada leva à transformação social.

        A intensa demanda das lutas sociais pelos direitos, identidades, justiça, agroecologia e participação, somente para citar alguns, fazem com que a missão da Escola seja contribuir na formação de todos\as que atuam ou pretendem atuar como agente pastoral, engajados nas comunidades eclesiais, pastorais e demais movimentos eclesiais; engajados em movimentos e instituições de trabalhadores, partidos ou outra organização da sociedade.

         O curso de Cultura, Fé e Política ocorre toda quarta-feira, das 20h00 às 22h30, organizado em módulos e período de dois anos, as temáticas abordadas nas disciplinas oferecidas abarcam a Teoria Social da Igreja, Organização Política e Movimentos Sociais, Modelo econômico e Mundo do trabalho, Processos de Migração, Desigualdade Social, Economia Solidária e outras mais. A formação cuidadosa e a atenção nos temas oferecidos pela Escola buscam contribuir para a formação cidadã, para que se possa construir ações socais e pastorais que realizem o sonho do Papa Francisco, qual seja, “nenhuma família sem casa, nenhum camponês sem terra, nenhum trabalhador sem direitos” (Papa Francisco, 2014).

Meire Mathias
Diretora Escola de Cultura, Fé e Política

 

Galeria de Downloads

 Anexo

Artigos Relacionados

Localização

Rua Nossa Senhora da Glória - 332 Jardim São Jorge

Cep: 87080-620 - MARINGA - PR


 adm.caritasmga@gmail.com     (44) 3263-4887

(44) 98832-5102